Uma atriz consagrada é confrontada com os dilemas do passar
do tempo quando é oferecido um papel de uma mulher em constante luta contra a
idade em um filme. Suas personas se unem, causando na protagonista conflitos
psicológicos difíceis de serem lidados. ‘Acima das Nuvens’ é um filme regular, com
um roteiro um tanto quanto presunçoso, apesar de não ser ruim, uma direção que
varia de momentos bons e ruins e uma atuação ímpar da protagonista, a atriz Juliette
Binoche, que acaba por salvar a película.


O filme tenta contar a vida de determinadas pessoas por trás
das câmeras. Diretores, atrizes, sendo jovens promissores e experientes, e, até
mesmo, assistentes. Tudo acaba funcionando de maneira leve, principalmente a
personagem da assistente da protagonista, com a atuação competente de Kristen
Stewart. Entretanto, o destaque aqui é a relação das duas. Nutrindo uma ótima
química presente, a relação aqui vai da admiração inocente até uma tensão sexual
latente no ar. Tudo mostrado de maneira sutil. Talvez esta seja a grande virtude do
roteiro, e, principalmente, da direção. 

A protagonista parece sentir aqui algo
além de uma simples empatia com sua secretaria, dispensando a ela gestos,
palavras e olhares que fazem o espectador questionar a relação das duas. Já a
jovem assistente nutre pela protagonista nada mais do que uma admiração por uma
figura de tamanha importância que é a atriz. Sua admiração vai diminuindo no
decorrer do filme, quando esta vai, aos poucos, percebendo as alterações
emocionais e o crescente senso de egoísmo da protagonista. Sua vida é, quase
que completamente, devotada à atriz.

O elenco está muito bem no filme. Juliette Binoche tem uma
atuação quase que impecável, nos fazendo sentir, em certo momento, não apenas
simpatia com a personagem, mas também uma certa repulsa. Seus atos são ausentes
de sentido, sua atuação intensa premia isso. A transformação da atriz no
decorrer do filme, não só psicológica, mas também física, consegue capturar o espectador
durante a execução do longa. Assim como toda a filmografia desta espetacular
atriz francesa, esta atuação não fica abaixo do melhor já feito pela atriz.
Premiando uma nova etapa em sua carreira, não mais demonstrando sua sexualidade
jovial da década de 1990 e início dos anos 2000, agora nos dando uma
performance madura, não ausente de todo o seu charme clássico, é claro. Já
Kristen Stewart possui aqui seu ar melancólico característico de suas
interpretações, adequando-se quase que à perfeição em sua personagem. Atuação
digna de uma atriz jovem com pouca capacidade de variações. Performance que só
é censurada, às vezes, por sua beleza que transpõe a todo momento sua
sexualidade. Melhor atuação da atriz até o momento em sua carreira.
O filme tem uma queda considerável com a introdução da
personagem de Chloe Grace Moretz. A direção se perde, não sabendo como
introduzir a personagem de maneira competente ao filme, trazendo cenas sem
sentido e longas, que acabam por mutilar alguma substância do filme. Entretanto,
não o bastante para comprometer o longa. As atuações competentes abafam, quase
que de maneira inexorável, qualquer irregularidade do filme. ‘Acima das Nuvens’
sem dúvidas merece ser visto.

Nota CI: 6,6 Nota IMDB: 6,8

Filmografia:
ACIMA das Nuvens. Direção: Olivier Assayas. 2014. 124 min.
Título Original: Clouds of Sils Maria.