O cinema sempre demonstrou um fascínio ao explorar a casta mais infame do ser humano: os assassinos seriais(serial killers). Seja com o sucesso do clássico ‘M – O Vampiro de Dusseldorf’(1931) ou com a eclosão do tema no cinema noir, em meados da década de 1940, filmes sobre essa temática vieram, ano após ano, ganhando seu lugar como subgênero da sétima arte. Obviamente, o crescimento no número de filmes sobre serial killers se deve ao simples fato de que, em uma esfera real, os assassinatos cometidos por essas pessoas vêm subindo gradativamente desde a década de 1970.

Os filmes desta lista procuram absorver o que há de melhor sobre o tema. Procuramos incluir filmes de vários âmbitos, com algumas obras baseadas em casos reais, sempre procurando desmembrar todas as implicações sobre os casos na esfera familiar das vítimas ou, até mesmo, dos próprios assassinos.

 

10º – Retrato de Um Assassino (John McNaughton, 1986)

O filme destrincha os nuances da vida de Henry, um assassino serial inserido em uma jornada sangrenta por todos os lugares por onde passa. ‘Retrato de Um Assassino’ é um filme extremamente perturbador por seu conteúdo gráfico e psicológico, estudando as exacerbações oriundas da espécie humana.

 

9º – Psicopata Americano (Mary Harron, 2000)

Um jovem executivo bancário esconde um lado sombrio e mortal da sociedade. ‘Psicopata Americano’ é permeado de exageros ficcionais, sem, no entanto, deixar de adentrar ao construto psicológico de um psicopata no período mais prolífico de sua carreira de assassinatos.

 

8º – Monster – Desejo Assassino (Patty Jenkins, 2003)

Baseado na vida da serial killer Aileen Wuornos, ‘Monster’ é um filme que investiga todos os elementos da vida de uma pessoa condenada pelo acaso. Aqui não veremos uma imputação de culpa ou crueldade em cima da protagonista. O filme trabalha com os aspectos que a transformaram naquela pessoa impulsiva e letal, sem jamais desconsiderar as exacerbações sociais que lhe afetaram de diferentes formas.

 

7º – O Caçador (Hong-jin Na, 2008)

Após várias prostitutas começarem a desaparecer sem deixar rastros, um cafetão inicia uma caçada atrás das mulheres pensando, inicialmente, que elas estivessem fugindo dele. No entanto, conforme avançamos sobre a trama, o cafetão começa a perceber que o desaparecimento das mulheres esconde resoluções muito mais sinistras. ‘O Caçador’ é um dos filmes de suspense mais movimentados do século XXI. Cada minuto do filme trabalha por emitir uma adrenalina sobre os passos dos personagens centrais da história, sem jamais perder a substância de um bom thriller investigativoLeia Nossa Crítica do Filme!

 

6º – Seven (David Fincher, 1995)

Dois detetives procuram desesperadamente descobrir a identidade de um serial killer que usa os sete pecados capitais como motivação para seus assassinatos. ‘Seven’ utiliza de todos os elementos do suspense para criar uma atmosfera atrativa ao seu espectador, sempre prezando por um ritmo cadenciado, sem, no entanto, perder o interesse do público.

 

5º – Memórias de Um Assassino (Joon-ho Bong, 2003)

Centrado em uma pequena província sul-coreana, no ano de 1986, o filme desenvolve sua trama acerca do surgimento de diversos corpos de mulheres brutalmente assassinadas em locais diferentes, desnivelando a ideia de que um serial killer ronda o lugar. ‘Memórias de Um Assassino’ é um dos melhores filmes coreanos de todos os tempos e um dos melhores thrillers já feitos.

 

4º – A Tortura do Medo (Michael Powell, 1960)

Um jovem psicopata obtém prazer ao assassinar suas vítimas sempre captando suas expressões horrorizadas com uma câmera. Rompendo barreiras no cinema, ‘A Tortura do Medo’ é um filme audacioso que não poupa o espectador em momento algum, promovendo em sua cena final um dos momentos mais aterrorizantes da história do cinema de horror.

 

3º – Caçador de Assassinos (Michael Mann, 1986)

Um ex-agente do FBI é sugado de volta ao trabalho para descobrir a identidade de um serial killer que não deixa rastros. Baseado no fantástico livro ‘Dragão Vermelho’, de Thomas Harris, ‘Caçador de Assassinos’ é a primeira aparição do icônico personagem Hannibal Lecktor no cinema. No entanto, o filme é muito mais do que a presença de Lecktor. Aqui veremos um suspense coeso sobre todos os desnivelamentos de uma investigação criminal.

 

2º – O Silêncio dos Inocentes (Jonathan Demme, 1991)

Uma jovem agente do FBI recorre a um psicopata para tentar capturar um serial killer em um período prolífico. ‘O Silêncio dos Inocentes’ é um filme de suspense sem igual. Aqui tudo é extremamente bem construído. A dinâmica cadenciada, a fotografia fria, a trilha sonora elétrica, as atuações impecáveis, a direção audaciosa e, claro, o roteiro conciso dão o ritmo e qualidade do filme.

 

1º – Zodíaco (David Fincher, 2007)

Baseado em uma história real, ‘Zodíaco’ conta a trajetória de um jornalista que se vê completamente obcecado por um assassino serial que utiliza cartas e mensagens criptografadas para anunciar seu próximo assassinato. O maior acerto do filme é fugir do tradicional exposto no gênero de suspense, dando dinamicidade a sua trama unicamente com aspectos verossímeis, sem nunca apelar para resoluções exageradas.