Top10: Dez Filmes Para Conhecer o Cinema Dinamarquês

 

7º – A Caça (Thomas Vinterberg, 2012)

Um professor calmo e solitário tem sua vida social desconstituída após ser acusado falsamente de ter molestado uma criança. Questionando alguns valores que o meio social opta por se agarrar, ‘A Caça’ mostra como instâncias pequenas da vida, como uma mentira oriunda de um período normal da infância, podem atuar de forma destrutiva para um indivíduo.

 

6º – O Amante da Rainha (Nikolaj Arcel, 2012)

No século XVIII, uma jovem rainha acaba por apaixonar-se por um médico e conselheiro de seu marido, um rei completamente insano e inseguro, vindo a vivenciar dilemas morais sobre a coisa certa a se fazer e tentando esconder o romance de todos.

 

5º – Entre o Bem e o Mal (Anders Thomas Jensen, 2005)

Um neonazista, condenado a cumprir serviços sociais em uma igreja, encontra seu contraponto de personalidade e comportamento na figura de um padre. Explorando a figura da redenção inserida no ser humano, ‘Entre o Bem e o Mal’ evidencia como o ambiente é importante para o desenvolvimento social e psicológico de um indivíduo.

Leia Também Nossa Lista com 10 Filmes Para Quem Ama Comer!

 

4º – Em Um Mundo Melhor (Susanne Bier, 2010)

Vidas se cruzam, histórias antes distintas acabam sofrendo um processo simbiótico inexorável, explicitando todos os nuances de jornadas erráticas de indivíduos sobre o mundo que, quando unidos, concebem algo novo e mais aprazível. O filme ainda trabalha com o conceito de bondade exposto em um dos personagens, fazendo um contraponto com as exacerbações do mundo.

Continua na Próxima Página