Top10: Dez Filmes com o Ator Matthew McConaughey

7º – Tempo de Matar (Joel Schumacher, 1996)Um crime racista cruel desencadeia um verdadeiro caos em uma pequena cidade norte-americana, deixando a família atingida pelo ato em uma busca indissociável por vingança. Nutrindo exageros que atrapalham o filme e a sua temática forte, ‘Tempo de Matar’ se notabiliza com um filme fraco quando olhamos para o contexto geral, sendo parcialmente salvo por seu elenco com vários nomes de destaque, como Samuel L. Jackson, Sandra Bullock, Matthew McConaughey, Kevin Spacey, Donald Sutherland e, seu filho, Kiefer Sutherland.

 

6º – Amistad (Steven Spielberg, 1997)Seguindo a temática escravidão, a trama é focada em um julgamento que vai decidir se alguns indivíduos negros são ou não escravos. ‘Amistad’ é dinâmico, com um bom jogo de cenas e um roteiro conciso. No entanto, não podemos incluir a obra entre as melhores sobre o tema, já que se notabiliza como superficial em determinados pontos, não estudando o âmago da questão. O filme tem a direção de Steven Spielberg e conta com um elenco de respeito, com nomes como Matthew McConaughey e Anthony Hopkins.

 

5º – Como Perder um Homem em 10 Dias (Donald Petrie, 2003)Um homem e uma mulher iniciam um relacionamento diferente: cada um (sem que o outro saiba) está submetido a uma aposta contrária à outra sobre a duração desse romance. Talvez a grande comédia romântica dos anos 2000, ‘Como Perder um Homem em 10 Dias’ definiu vários dos caminhos futuros para o subgênero, trabalhando com diversos conceitos melhorados da década anterior.

 

4º – Um Estado de Liberdade (Gary Ross, 2016)Durante a Guerra Civil americana, um soldado, após ver os horrores da batalha, resolve desertar e tentar continuar sua vida fora do exército. O problema é que seu ato fora da lei o deixará em uma situação complicada, o obrigando a deixar sua vida em sociedade e fugir para o meio de uma floresta, lugar no qual ele iniciará uma nova reunião com indivíduos rejeitados pelo meio social. ‘Um Estado de Liberdade’ se vale de um tom biográfico bastante interessante, contando uma história envolvente e que consegue mesclar muito bem fatos históricos com uma dinâmica que jamais deixa a obra chata.

Continua na Próxima Página

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *