Top10: Dez Filmes Românticos Que Fogem ao Comum

 

7º – Amor a Toda Prova (Glenn Ficarra, 2011)Um homem de meia-idade tem que reaprender a viver após sua esposa lhe pedir o divórcio. Leve em suas investidas, ‘Amor a Toda Prova’ acaba sendo menosprezado por vir com toda aquela grande gama de comédias com roupagem superficial e insossa. No entanto, a obra é muito mais do que sua sinopse e seu pôster entregam, formalizando-se com um roteiro inteligente, a construção de um humor que surge involuntariamente e um elenco de respeito com ótimas atuações.

 

6º – Moonlight – Sob a Luz do Luar (Barry Jenkins, 2016)Vários fragmentos da vida de um rapaz são explorados pela trama, trazendo os meandros de sua relação exacerbada com o mundo a sua volta. ‘Moonlight – Sob a Luz do Luar’ consegue dar um olhar assertivo para uma camada negligenciada pelo cinema: relacionamentos homoafetivos entre negros. Obra-prima inquestionável do cinema que permanece na cabeça do espectador mesmo muito tempo após o seu término.

 

5º – Namorados Para Sempre (Derek Cianfrance, 2010)Exploraremos várias etapas de um relacionamento conturbado entre duas pessoas, entendendo mais sobre um compêndio rústico do amor. ‘Namorados Para Sempre’ é um filme de romance diferente, propondo um olhar fiel ao que realmente compreende cada instância de um relacionamento.

 

4º – Mesmo Se Nada Der Certo (John Carney, 2013)Um produtor musical e uma aspirante a cantora acabam formando um laço diferente de amizade, tendo sempre como pano de fundo o cenário dinâmico da indústria da música. Dirigido e roteirizado por John Carney, ‘Mesmo Se Nada Der Certo’ exibe uma forma de romance platônico em sua história, trazendo personagens que obtêm prazer simplesmente estando na companhia do outro.

Continua na Próxima Página